Home Destaque Thaynara OG: A primeira estrela do Snapchat do Brasil em entrevista exclusiva

Thaynara OG: A primeira estrela do Snapchat do Brasil em entrevista exclusiva

14 primeira leitura
0
23
1,581

A maranhense Thaynara OG (siglas do seu sobrenome) ficou conhecidíssima na internet de uma forma não tão convencional.

Thaynara ganhou repercussão nacional quando bombou no SnapChat, rede social onde pode-se postar imagens e vídeos (até aí tudo normal), a diferença sempre foi um único detalhe: nada fica no ar por mais que 24 horas. Então você pode colocar uma foto com seu artista favorito de um momento que você queria eternizar, ou postar uma foto acordando todo bagunçado com a mesma liberdade, porque passado 24 horas nada mais existe. Anos depois o Instagram adaptou o mesmo recurso, nomeado de “stories”, o que fez com que grande parte dos usuários migrassem para o aplicativo que possuía “mais funções”.

No Pará como convidada de Fafá de Belém para o Círio, Thay – como gosta de ser chamada – nos recebeu super bem-humorada para uma entrevista e nos conta como foi o sucesso no SnapChat, como tem sido administrá-lo com o seu usurpador “InstaStories” e planos e muito mais!

Acompanhe esse bate-papo que rendeu muitos risos entre Thaynara e Marco Júnior:

Em Belém para o Cirio, é a primeira vez que você vem para a festividade?

É a primeira vez, mas eu já conhecia e acompanhava pela televisão. Quando eu passei a ter mais contato com os seguidores de Belém todos me perguntavam se eu viria, e isso foi despertando cada dia mais interesse. A Mari Belém entrou em contato faz um mês, fiquei super feliz. Eu já conhecia a varanda da Fafá, que é super tradicional. Infelizmente não poderei acompanhar a grande festividade do domingo, mas fiz parte do Círio Fluvial e foi bem especial pra mim. Realmente é emocionante ver a imagem da santa nas águas da Baia, eu fiquei bastante emocionada e encantada no quanto de gente assiste, participa e a fé das pessoas. Eu fiquei realmente encantada, nunca vi isso em lugar nenhum.

Terceira vez rapidinha em Belém. Quando podemos esperar uma visita mais calma pela cidade?

Eu acho que somente quando eu vier visitar algum parente, porque geralmente eu venho, faço evento e vou embora. Eu tenho um parente aqui e uma amiga que estuda medicina. Tem uma galera do Maranhão que estuda medicina aqui, então assim que tiver um tempo quero uma visita com mais calma, que tem muita coisa pra conhecer.

Vamos do início… quando foi a primeira vez que você ouviu falar de SnapChat?

Foi na faculdade. Duas amigas da minha sala falaram desse jeito: ‘Thay, tem um aplicativo que é a tua cara! Tu vais baixar. ’, e eu nunca dava bola, eu nunca baixava! Aí teve um dia que elas pegaram meu celular, baixaram e começaram a me ensinar. Quando eu entendi eu pensei: gente, eu amei isso aqui! E comecei a fazer muito! Desde 2013, na faculdade, bem no início do aplicativo, ainda quando pouca gente usava.

No início era uma brincadeira somente entre amigos, qual foi sua intenção ao liberar o perfil ao grande público?

Eu demorei uns 8 meses para tornar meu perfil público. Porque eu fazia mais por uma questão pessoal. Eu tinha uma rotina maçante de estudo, uma rotina que eu me sentia muito só, então pra eu espairecer e dar aquela pausa nos estudos, eu fazia um snap e me sentia bem. Na época eram poucos seguidores: algumas primas, a galera da faculdade… Mas aquilo já fazia com que eu me sentisse bem, então eu fazia pra mim. Foi aí que eu percebi que do boca a boca foi crescendo e meus amigos começaram a me incentivar: Thay, abre teu perfil, isso pode dar certo! Mas eu resisti, até que no final de 2015 eu abri. Não sei como os famosos descobriram e começaram a indicar, a partir disso eu comecei a fazer alguns programas de televisão, sendo entrevistada pra comentar como foi que aconteceu, e depois profissionalizei tudo isso, mas foi bem despretensioso!

A primeira estrela do Snapchat no Brasil,  como é pra você carregar esse título?

Eu fico muito feliz, por ver que inovei. Geralmente as pessoas surgem do FaceBook, do YouTube, do Vine (que não existe mais, porém lançou muitas pessoas até mesmo do twitter). Então no Snap eu não tinha nenhum parâmetro, eu fazia realmente tudo o que me dava vontade de fazer. Minha inspiração foi fazer igual a televisão: ao-vivo, erros de gravação, personagens, trilha sonora, quadros… Quando eu soube que não tinha ninguém no Brasil no mesmo estilo eu fiquei muito feliz. Esse fenômeno já existia nos Estados Unidos, com vários nomes que surgiram do SnapChat, mas no Brasil, foi uma forma de surgir bem diferente.

O que é o Poder do Kiu?

O Poder do Kiu é carinho, engajamento, barulho. Eu sempre me surpreendo, a gente já teve várias conquistas juntos. Inclusive as premiações. Eu sempre dou como exemplo, porque a gente concorre com tanta gente grande, gigantes da internet, então eu sou muito grata ao poder do Kiu porque eles que fazem acontecer. Tipo o Gata Trendy que eu ganhei da Mariana Ruy Barbosa, nunca imaginei!

– Mas potencial tem!

– Potencial tenho, inclusive agora durante a entrevista comendo um Brownie… (risos).

Como tem sido administrar o SnapChat e o já não tão novo “InstaStories”?

Bom, como eu surgi do Snap, eu pessoalmente tenho um carinho muito grande pelo aplicativo, e ao mesmo tempo sofro uma pressão enorme dos meus seguidores. Pressão mesmo que chega ao ponto de criticarem muito o dia que eu faço menos snaps do que stories. Tem gente que comenta: ‘nossa, que ingrata! Ficou famosa no snap e tá fazendo stories. Nossa, subiu pra cabeça…’ Então por conta dessas coisas: do carinho e da pressão, eu continuo fazendo os dois que são praticamente iguais, mas eu faço coisas diferentes em cada um, pra dar motivo pra me ter nas duas redes sociais diferentes.

São João da Thay: o maior sucesso! Podemos esperar o que da segunda edição?

A segunda edição eu quero que seja num lugar maior! Graças a Deus ano passado foi um sucesso, e uma semana antes de acontecer o evento os ingressos já estavam esgotados. O que é muito bom mas ao mesmo tempo muitas pessoas ficaram de fora. Então eu quero muito fazer em um lugar maior, com mais pessoas para participarem, mais lotes de ingressos, programação com artistas diferentes… Então no próximo ano a gente pode esperar isso: um lugar maior, com meus convidados que fui conhecendo ao longo do tempo, esse ano já conheci pessoas que eu já imagino no meu São João e também com atrações totalmente novas. Ano passado foi muito especial, e esse ano a gente já começou a trabalhar na programação pra ser também.

Você tem planos de criar um canal no YouTube, escrever um Blog, um livro, quem sabe?

Planos eu sempre tenho, vergonha na cara eu não tenho! Tem muito tempo que eu deveria entrar no YouTube, eu sei que é importante estar em todas as plataformas, em todas as redes sociais, só que o YouTube pra mim é bem diferente do que eu faço. Eu penso uma coisa eu já crio, já posto, já brinco de editar só com o celular na mão. No YouTube eu preciso de um roteiro, de uma câmera, cenário, editar, uma equipe.. enfim, isso me deixa preguiçosa e sem vergonha. Mas eu pretendo sim… um dia eu faço!

Bate-Bola:

Thaynara OG e Marco Júnior (Colunista do Portal do Dia)

Maranhão – Minha Raiz

Snapchat – Lançamento

Agenda – Maria Avião

Seguidores – Carinho

Direito – Suspenso

Redes Sociais – Revolução

Romance – Porto Seguro.

Thaynara OG – KIU!

 

 

Acompanhe a Thaynara nas redes sociais e se divirta:

SnapChat e Instagram: @thaynaraog

Texto e entrevista: @xmarcojunior

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Um Marco
Carregar mais por Destaque

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Camilla Uckers: Exagero na busca da perfeição? Entenda o caso que sensibilizou a internet.

Camilla Uckers ficou conhecida na internet após a gravação de um vídeo no qual relatava su…