Home Destaque Cerimonialistas apostam em casamenteiros para ajudar a selar união homoafetiva de crenças distintas

Cerimonialistas apostam em casamenteiros para ajudar a selar união homoafetiva de crenças distintas

3 primeira leitura
0
7
1,137

No lugar do padre ou do pastor, um celebrante: profissional contratado para chancelar a união dos noivos em cerimônias personalizadas.

Cada um deles também tem uma forma de construir a cerimônia. Hoje em dia, é comum presenciar casamentos em que um amigo ou familiar mais chegado faz as vezes de celebrante. Mas vale lembrar que não basta apenas saber falar em público. Além disso, não é um espaço para experiências, trata-se de um dos dias mais importantes da vida do casal e da família.

“Vou ser o último a conhecer o casal e o primeiro a falar o que quiser a respeito dos dois”, brinca Fredh Hoss. Ele começou a carreira em 1999 e, em 2005, abriu a primeira escola de celebrantes do país. Desde então, já formou mais de 500 pupilos – dos alunos mais bem-sucedidos, 90% são mulheres, afirma Fredh.

No entanto, quando começou a carreira, nos anos 1990, Beatriz Moura Leite, do Casamento Celta, passou por situações chatas. “Uma vez acharam que meu marido, que é também meu sócio, era o padre e eu estava lá para auxiliá-lo”, lembra

Demanda de públicos ecléticos, cada profissional tem uma marca registrada. Formado em filosofia e teologia, Rafael Divino faz discursos poéticos nos quais combina Platão e Fernando Pessoa, por exemplo. Costuma ser procurado por casais que já moram juntos, do mesmo sexo, que estão no segundo casamento ou que seguem crenças diferentes.

Nada impede, no entanto, que existam elementos religiosos na cerimônia. “Já aconteceu de uma avó estar chateada com a falta de um padre na celebração. Então os noivos resolveram distribuir vidrinhos com água benta”, conta Márcia Henz.

 

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Repórter do Dia
Carregar mais por Destaque

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Hélcio Júnior é o Estilista Oficial da Miss Brasil Empresarial 2018.

HELCIO LUIZ FERNANDES JÚNIOR, 28 anos natural de Patos de Minas – MG. Trabalha no ra…